Reforço do New England Patriots, Antonio Brown é acusado de abuso sexual e estupro por ex-treinadora - EntornoInteligente
Entornointeligente.com /

Anunciado no sábado como novo reforço do New England Patriots , o jogador de futebol americano Antonio Brown foi acusado de abuso sexual e estupro pela ex-treinadora Britney Taylor , que trabalhou com o atleta durante os anos de 2017 e 2018, quando ele jogava pelo Pittsburgh Steelers.

Segundo a denúncia revelada pelo portal americano “ESPN”, Britney relatou às autoridades que foi violentada por Brown três vezes. Duas delas em junho de 2017 e outra em maio de 2018. Na primeira ocasião, a mulher contou que o homem ficou nu na frente dela e tentou beijá-la sem seu consentimento. No segundo relato, a mulher afirma que assistia televisão em um sofá quando o atleta começou a se mastubar atrás dela e ejaculou nas suas costas.

Meses depois, quando Britney já não trabalhava com Brown, ela disse que o receiver a procurou. Ao se encontrarem, a mulher conta que o atleta a jogou em direção a cama, empurrou seu rosto contra o colchão e a penetrou entanto ela gritava pedindo que ele parasse.

Os advogados de Antonio Brown negam as acusações. Na versão do jogador, a ex-treinadora procurou o  atleta para propor um investimento em um empreendimento esportivo no valor de 1,6 milhões de dólares. O jogador teria negado a proposta e os dois cortaram relações. A defesa alega ainda que, ao contrário do que diz a ex-treinadora, Bitney procurou o jogador em 2018 após o fim da parceria de trabalho dos dois. Ela e Brown teriam se envolvido em uma “relação pessoal” e qualquer interação sexual entre o casal “foi acordada”.

PUBLICIDADE “Em maio de 2018, a acusadora se juntou a um jantar de Sr. Brown e seus amigos, que eram donos de uma casa de entretenimento adulto em Miami. Ao invés de ir embora sozinha, como chegou no local, e voltar para seu hotel, a acusadora solicitou que o Sr. Brown fosse para a casa dele junto com ela, onde ambos tiveram sexo consensual”, diz o comunicado do jogador.

O Patriots emitiu uma nota oficial, na qual afirma que Liga Nacional de Futebol Americano ( NFL ) vai investigar o caso.

“Nós estamos cientes do processo judicial que foi iniciado contra Antonio Brown, assim como estamos cientes da resposta dada pelos representantes legais do atleta. Nós encaramos essas acusações com muita seriedade. Sob nenhuma circunstância essa organização irá ser conivente com violência sexual e assédio sexual. A NFL nos informou que irá investigar o caso. Não iremos mais comentar este tema enquanto esta investigação estiver em curso”, afirmou o clube.

Brown assinou um acordo de um ano com os Patriots há quatro dias, com US$ 9 milhões de bônus assinatura, valor que pode chegar a US$ 15 milhões se cumpridas todas as metas. O jogador foi cortado pelo Oakland Raiders após inúmeros casos de indisciplina. A dispensa veio após o próprio Brown pedir por isso em uma publicação no Instagram no último sábado.

LINK ORIGINAL: OGlobo

Entornointeligente.com

Advertisement

Nota de Prensa VIP

Smart Reputation

162108