Montenegro e Moreira da Silva confirmados como dois candidatos à liderança

montenegro_e_moreira_da_silva_confirmados_como_dois_candidatos_a_lideranca.jpg
Entornointeligente.com /

As eleições diretas para escolher o próximo presidente do PSD, em 28 de maio, vão ser disputadas entre dois candidatos, Luís Montenegro e Jorge Moreira da Silva, confirmou hoje o presidente do Conselho de Jurisdição Nacional (CJN).

Relacionados psd.  Menos militantes pagam quotas para escolha entre Montenegro ou Moreira da Silva

refugiados.  Setúbal. Luís Montenegro acusa PS de «abusar da maioria absoluta»

psd.  Moreira da Silva quer reforço das obrigações declarativas de políticos e «cidadãos em geral»

Numa nota à imprensa, o presidente do CJN do PSD, Paulo Colaço, refere que deram entrada duas candidaturas à presidência da Comissão Política Nacional e que ambas cumprem os requisitos necessários.

«Preenchidos os requisitos estatutários e regulamentares exigidos, estão confirmadas as duas candidaturas que deram entrada», refere a nota, que será agora publicada no órgão oficial do PSD, o Povo Livre, tal como as propostas de estratégia global dos dois candidatos.

Fechar Subscreva as newsletters Diário de Notícias e receba as informações em primeira mão.

Subscrever O prazo para a entrega de candidatura à presidência do partido terminou esta segunda-feira às 18:00 e apenas deram entrada os processos de candidatura do antigo líder parlamentar do PSD, que formalizou na quinta-feira, e, neste dia, do antigo vice-presidente social-democrata.

As candidaturas têm de ser subscritas por um mínimo de 1.500 assinaturas, e ser acompanhadas de uma proposta de estratégia global e de um orçamento de campanha.

Luís Montenegro entregou, segundo a sua candidatura, mais de 2.800 assinaturas, um orçamento a rondar os 48 mil euros e a moção «Acreditar», que tem sido o lema da sua candidatura.

Já Jorge Moreira da Silva não pôde estar hoje presente na entrega por estar infetado com covid-19, mas o processo foi entregue pelos seus diretor e coordenador de campanha: cerca de 1.800 assinaturas, um orçamento de 47.500 euros e a moção «Direito ao Futuro».

De acordo com o site do PSD, têm quota válida para votar 44.632 militantes (números que podem variar ligeiramente até à eleição, uma vez que ainda decorre o período de reclamações), abaixo do universo eleitoral das últimas diretas, em novembro do ano passado: 46.664 militantes com as quotas em dia, dos quais votaram 36.476.

Os militantes com quotas válidas representam 52% do total dos militantes ativos do PSD e que totalizam 85.833 (que pagaram pelo menos uma quota nos últimos dois anos).

Como habitualmente, quatro distritais concentram a maioria das quotas pagas: Porto, Braga, Lisboa (Área Metropolitana) e Aveiro, por esta ordem, somam 54,6% dos militantes em condições de votar nas eleições diretas de 28 de maio.

Segue-se a Madeira e, já abaixo de 2.000 militantes em condições de votar, Viseu, Leiria, Coimbra e Vila Real.

Entre as concelhias, destaque para a de Lisboa com mais de 2 mil militantes em condições de votar, a de Barcelos e de Vila Nova de Famalicão (ambas no distrito de Braga) com mais de 1.800 e 1.400, respetivamente, e as do Porto e Vila Nova de Gaia, cada uma com mais de mil militantes com quotas válidas.

Com menos militantes em condições de exercer o seu direito de voto, estão as distritais de Beja, Portalegre e as estruturas da Europa e Fora da Europa.

Nas últimas diretas do PSD, a abstenção situou-se nos 21,83%, ligeiramente superior à de 2020, quando rondou os 20%, embora tenham votado nesta eleição quase mais 4.000 militantes do que na anterior, em termos absolutos.

Nessa ocasião, o ainda presidente do PSD Rui Rio – que não se recandidata nestas diretas antecipadas – venceu por 52,43% dos votos, mais 1.746 do que os conseguidos pelo eurodeputado Paulo Rangel, a mais curta vitória de sempre em eleições diretas no PSD, depois de em 2020 Rui Rio ter batido Luís Montenegro por 2.071 votos.

Rui ​​​​​​​Rio conseguiu o voto de 18.852 militantes e Paulo Rangel de 17.106, tendo sido contabilizados 329 votos brancos (0,9% do total) e 189 nulos (0,5%).

LINK ORIGINAL: Diario Noticias

Entornointeligente.com