Manipular o Tribunal Constitucional com uma notícia de jornal

Entornointeligente.com /

Não conheço o senhor António Manuel de Almeida Costa de lado algum, nem faço ideia se virá a ser óptimo ou péssimo juiz do Tribunal Constitucional (TC). Mas há uma coisa que eu sei: sei perfeitamente como se constroem notícias e cheiro a léguas a manipulação interessada de factos. A sequência de artigos que Fernanda Câncio publicou no DN a 14 de Maio ( Candidato a juiz recusa legalização do aborto e apelida experiências nazis de «investigações médicas» ) e a 20 de Maio ( Cooptação de novo juiz marcada para 31. Feministas saem à rua contra Almeida Costa ), seguidas das inevitáveis reacções de Francisco Louçã ( no Expresso ), Ana Gomes ( na SIC Notícias ), Vital Moreira ( no seu blogue ) ou Alexandra Leitão ( na CNN Portugal ), compõem um magnífico ramalhete de desonestidade intelectual, fundamentalismo político e insensatez institucional, disfarçado de grande defesa dos valores civilizacionais.

Mais do João Miguel Tavares As viagens transatlânticas de José Sócrates Quanta impunidade vale a privacidade de cada um de nós? Sobre a importância de desarmadilhar as palavras-bomba
LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com