KPMG avisou Carlos Tavares de problemas na ESI em Fevereiro de 2014 - EntornoInteligente
Entornointeligente.com /

A auditora do BES (e do BES Angola), a KPMG, revelou ao Ministério Público que a 11 de Fevereiro de 2014 informou o então presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), Carlos Tavares, de que a Espírito Santo Internacional ​(ESI), a principal holding do GES, apresentava uma desconformidade nas suas contas, com contaminação do BES, que se preparava para ir ao mercado levantar mais de mil milhões de euros. No entanto, já depois do GES e do BES colapsarem, Tavares esteve no Parlamento a dizer que só em Junho, já a decorrer o aumento de capital do BES, é que foi informado da situação explosiva.

Mais populares TVI Jornalista Pedro Mourinho troca SIC pela TVI, onde deverá ser subdirector de Informação Animais Milhares de martas infectadas com covid-19 estão a ser abatidas em Espanha e nos Países Baixos i-album Multimédia Japão: a pandemia ameaça a sobrevivência da tradição gueixa

Continuar a ler
LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com

Ir a Smart Reputation

Publicidad en Entorno

Allanamiento a las oficinas de EntornoInteligente

Adscoins

Smart Reputation