João Sousa: «Quando estamos em baixo, não é fácil acreditar no nosso potencial»

joao_sousa_quando_estamos_em_baixo_2C_nao_e_facil_acreditar_no_nosso_potencial_.jpg
Entornointeligente.com /

João Sousa está pouco habituado a falar de outra coisa além de ténis e das suas técnicas de jogo. Mas o que faz o único português do Top 100 do ATP, quando não está em campo? Ouve música, gosta de ler e até tem um negócio em Guimarães, a sua cidade natal. Aos 33 anos, diz ainda não se preocupar com o que fará depois de a carreira no desporto profissional terminar e garante querer ser um exemplo para as novas gerações, lembrando a importância do desporto para a saúde física e mental. Ontem, o 63. º do mundo foi eliminado na primeira ronda de pares em Roland Garros e esta quinta-feira regressa para a segunda ronda de singulares, frente ao italiano Lorenzo Sonego, em 35.ª posição.

LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com