E o comboio a vapor voltou a apitar no Vouga

Entornointeligente.com /

As carruagens são surpreendentes, com bancos de madeira envernizados e detalhes deliciosos no seu interior, destacando-se, no entanto, os varandins de ferro nas extremidades onde muitos passageiros preferem viajar. Mas a estrela da composição é a velha Mallet E214 que desde as 7h00 da manhã de um sábado invernoso desperta a curiosidade de quem passa pela estação de Aveiro. Está devidamente acesa e as bielas, as rodas, os cilindros estão bem lubrificados. A pressão do vapor é a necessária e de vez em quando solta uns prolongados silvos com que saúda os comboios que passam nas linhas vizinhas, sejam um suburbano do Porto, um Intercidades ou o Alfa Pendular.

Mais populares Drogas Quase 600 pessoas internadas com distúrbios psicóticos tinham usado cannabis Cultura Central Hidroeléctrica do Tua vence Prémio Arquitectura do Douro 2019 i-album Living Offices NOW, um escritório para quem se deixou de escritórios

Continuar a ler
LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com

Smart Reputation
Smart Reputation

Smart Reputation

Más información