Dois alpinistas morrem em desprendimento de gelo nos Alpes suíços

Entornointeligente.com /

Dois alpinistas morreram e nove ficaram feridos, dois deles em estado grave, devido a um desprendimento de gelo no maciço Grand Combin , entre o vale de Aosta, no norte de Itália, e o cantão suíço de Valais.

O acidente aconteceu às 06h20 locais (uma hora menos em Portugal continental), numa altura em que o grupo de 17 alpinistas estava a 3400 metros de altura Via do Guardião. Segundo a Europa Press, os mortos são um espanhol de 65 anos e uma francesa de 40.

A agência de notícias Adnkronos refere que nas operações de resgate dos alpinistas participaram sete helicópteros e à volta de 40 homens.

A polícia adiantou que todos os montanhistas que estavam na zona foram retirados e as autoridades judiciais de Sion abriram um inquérito para apurar as razões do incidente.

O Corriere della Sera , citando especialistas, diz que a subida que o grupo estava a fazer é considerada muito exigente, com pendentes que chegam aos 40 graus.

A Grand Combin tem 4314 metros de altura, mas o ponto de congelação costuma estar acima dos 3600 metros.

LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com