Cinco anos depois, o Ajax voltou a sagrar-se campeão - EntornoInteligente

Entornointeligente.com / Um ponto bastava ao Ajax para chegar ao 34.º título holandês, sem precisar de olhar para trás, mas a equipa-sensação da Liga dos Campeões fez mais do que isso. Em casa do De Graafschap, na última jornada, venceu por 1-4, terminou a Eredivisie com três pontos de avanço sobre o PSV e sagrou-se campeã cinco anos depois da última conquista.

Mais populares Hotéis Algarve estreia maior resort tudo-incluído de Portugal. Há férias grátis para as crianças Educação Portugal é dos países da OCDE com colégios em que só há “gente rica” i-album Exposição São ilustradores portugueses, são a Prata da Casa No Estádio De Vijverberg, Lasse Schone inaugurou o marcador aos 37’, deixando a equipa de Amesterdão confortável nas contas – o PSV ainda sonhava com o primeiro lugar, mas precisava de conjugar um triunfo com uma derrota do rival. Youssef El Jebli repôs a igualdade três minutos depois, mas a sede de vitória do Ajax era grande e o lateral esquerdo Tagliafico voltou a colocar os visitantes em vantagem, em cima do intervalo.

Depois de ter recentemente conquistado a Taça da Holanda, ao bater o Willem II por 0-4, o Ajax, que honrou a herança do passado , estava embalado para desapossar o PSV do título. Até porque, por essa altura, o rival estava empatado em Eindhoven, diante do Heracles (1-1), e por isso cada vez mais longe de poder renovar o ceptro.

O melhor do Público no email Subscreva gratuitamente as newsletters e receba o melhor da actualidade e os trabalhos mais profundos do Público.

Subscrever × É verdade que os comandados de Mark van Bommel haveriam de saltar para a frente do marcador, com um golo de Nick Viergever, logo aos 48’, mas o triunfo (por 3-1, depois de um último golo de Donyell Malen) revelar-se-ia insuficiente para evitar a passagem de testemunho. Em Doetinchem, cidade-sede do De Graafschap com pouco mais de 55 mil habitantes, o Ajax não deixou fugir o triunfo, tendo ainda ampliado o marcador com um bis de Tadic, primeiro de grande penalidade (67'), depois com um remate colocado já dentro da área (87').

A festa estender-se-á às ruas de Amesterdão, naturalmente, e não será apenas uma festa de reconhecimento pelo título. Será um momento de despedida para algumas das pérolas que nesta temporada surpreenderam a Europa do futebol. Frenkie de Jong já assinou pelo Barcelona e talentos como Matthijs de Ligt e Donny van de Beek têm várias ofertas em carteira. Ainda a darem os primeiros passos de carreiras altamente promissoras, quando saírem, saem com títulos no bolso.

Agora com 34 campeonatos no palmarés, o Ajax, desde 2017 orientada por Erik ten Hag, passa a somar mais 10 do que o PSV. E volta a festejar um título no dia 15 de Maio, tal como acontecera, pela última vez, em 2011. E tal como sucedeu também em 1982, num jogo com o AZ em que os adeptos invadiram o campo para festejar com os jogadores, um dos quais a lenda Johan Cruyff. 

LINK ORIGINAL: Publico

Entornointeligente.com

Advertisement

Nota de Prensa VIP

Smart Reputation

114256