BRASIL: Ataque contra ONG Save The Children mata três e fere 14 no Afeganistão - EntornoInteligente

Entornointeligente.com / OGlobo /

CABUL – Um ataque com um carro-bomba contra a sede da ONG Save The Children deixou pelo menos três pessoas mortas e outras 14 feridas nesta quarta-feira em Jalalabad, um bastião de combatentes insurgentes no Afeganistão. As autoridades alertam que o balanço de vítimas ainda pode se agravar, à medida que o local é inspecionada por investigadores. O Estado Islâmico reinvindicou o atentado, após o Talibã ter negado que tivesse responsabilidade.

Veja também Atiradores foram clientes antes de ataque a hotel de luxo no Afeganistão, diz fonte Ex-refém canadense no Afeganistão é detido por agressão sexual Pilotos alemães se recusam a deportar refugiados para Afeganistão Pelo menos dois homens participaram do ataque, às 09h do horário local. Um automóvel explodiu na rua onde fica a organização britânica, que trabalha em favor das crianças em diversos países do mundo. Em seguida, outros homens entraram na sede da ONG. Dentre os mortos, estão um civil e um soldado. Os feridos foram internados em hospitais da região.

– Ouvi uma enorme explosão. Parecia um carro-bomba. Nos abrigamos e vi um homem armado com um lançador de foguetes, que disparava contra a porta principal para entrar no recindo – contou Mohamad Amin, que conseguiu escapar do atentado saltando pela janela e, depois, foi hospitalizado com ferimentos na perna.

Segundo o porta-voz do governo da região, Ataulá Jogyani, o corpo de um dos responsáveis pelo ataque foi descoberto no local. Outro deles foi abatido por forças de segurança. Não está claro o número exato de combatentes que participaram do atentado.

– Segundo nossas primeiras informações, os crimminosos usavam uniformes das forças de segurança – disse Jogyani. – As forças de segurança realizam operações de limpeza agora.

Publicidade

LEIA MAIS: Entenda: Após 16 anos de guerra, quais países têm soldados no Afeganistão?

Pela rede social, a ONG publicou uma nota lamentando o ataque:

“Estamos devastados com a notícia de que a nossa sede da Save The Children na cidade de Jalalabad, no Afeganistão, foi alvo de um ataque nesta manhã por homens armados que entraram no prédio ás 09h do horário local. Nossa maior preocupação é com a segurança dos nossos funcionários. Estamos aguardando mais informações da nossa equipe, e não podemos fazer comentários por enquanto”.

O Estado Islâmico, que se opõe ao Talibã e ao governo apoiado pelo Ocidente, nos últimos meses realizou uma série de ataques no Afeganistão. Em outubro, pelo menos 39 pessoas morreram num ataque a uma mesquita xiita.

Neste ano, os confrontos no país provocaram centenas de mortes, com ataques de homens-bomba de grupos terroristas, incluindo o Estado Islâmico, a funerais, meios de comunicação e locais públicos em geral. Segundo a ONU, o índice de vítimas fatais nos últimos seis meses foi o maior para o período em oito anos. Enquanto isso, o Talibã têm tido grandes vitórias no avanço sobre o território, sem sinais de abatimento. O governo afegão, hoje, controla apenas 63,4% do país.

ATAQUE A HOTEL DE LUXO

Hotel Intercontinental, em Cabul – Divulgação Na noite de sábado, o Hotel Intercontinental em Cabul, capital do Afeganistão, foi alvo de um ataque por quatro atiradores. Segundo o porta-voz do ministério do Interior, Najib Danish, forças de segurança tentam conter os terroristas, que mataram 30 pessoas, incluindo hóspedes. Reivindicado pelo Talibã, o atentado foi controlado apenas na manhã de domingo do horário local.

Publicidade

A embaixada do Estados Unidos em Cabul emitira um alerta de segurança dois dias antes, notificando que estava ciente que grupos extremistas estariam planejando ataques contra hotéis na capital. Entre as ações que deveriam ser tomadas, o órgão recomendava atenção ao entorno, ter um celular carregado e monitorar a mídia local.

“Esses grupos também podem ter como alvo de encontros / demonstrações públicas, instalações governamentais, transportes, mercados e locais onde os estrangeiros são conhecidos por se reunir”, informava o alerta do governo americano.

O hotel, localizado em uma colina e fortemente protegido, assim como a maioria dos edifícios públicos da cidade, já foi alvo de uma ação semelhante em junho de 2011, que matou 21 pessoas, incluindo 10 civis. É um dos dois principais hotéis de luxo em Cabul e frequentemente é usado para eventos, incluindo conferências com a participação de funcionários do governo.

BRASIL: Ataque contra ONG Save The Children mata três e fere 14 no Afeganistão

Con Información de OGlobo

www.entornointeligente.com

Síguenos en Twitter @entornoi

Entornointeligente.com

Add comment

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Follow Me

.