PORTUGAL: PS francês ganha no Doubs mas Frente Nacional é que grita vitória - EntornoInteligente

Diario Noticias / Foram pouco mais de 800 os votos que separaram Frédéric Barbier de Sophie Montel na segunda volta das legislativas parciais no Doubs, região do Leste de França cuja capital é Besançon. Talvez por isso o socialista tenha admitido não haver motivos para “se vangloriar”, enquanto a eurodeputada da Frente Nacional (FN) é que reivindicava a vitória, garantindo: “Demos um pontapé no formigueiro.” Mesmo se falhou o objetivo principal: dar o terceiro deputado ao partido de extrema-direita de Marine Le Pen.

Um pontapé que começara na primeira volta, quando Montel deixou para trás Charles Demouge, da UMP. Um resultado que colocou a direita – e o seu líder, o ex-presidente Nicolas Sarkozy, entre a espada e a parede. Se apoiasse Barbier, estaria a dar razão à FN quando esta fala numa “UMPS” (UMP+PS), alegando ser agora “o único partido de oposição”. Se não apoiasse, arriscava-se a dar a vitória a Montel.

Sarkozy não se manifestou entre as duas voltas, mas não faltaram figuras da direita a dar apoio a Barbier – de Alain Juppé, ex-primeiro-ministro e candidato às primárias da UMP para as presidenciais 2017, a Nathalie Kosciusko-Morizet, a vice-presidente do partido. Um esforço que deu resultados. Por pouco.

Leia mais pormenores na edição impressa ou no epaper do DN

Con Información de Diario Noticias

Entornointeligente.com




Instagram

Username or hashtag @entornointeligente is incorrect.