Petróleo fica próximo da estabilidade, na expectativa de declarações de Trump - EntornoInteligente

Jornal do Brasil / Os barris de petróleo norte-americano registram leve alta nesta quinta-feira (1°), em torno de 0,2%, enquanto o petróleo Brent registra perdas em torno de 0,1%. O mercado aguarda declarações do presidente Donald Trump sobre a participação dos Estados Unidos no acordo climático de Paris. 

Na véspera, o API apontou para uma queda de 8,7 milhões de barris de petróleo bruto nos Estados Unidos, na semana encerrada no dia 26, contra a expectativa de recuo de 2,5 milhões de barris. Os dados oficiais serão divulgados pelo Departamento de Energia norte-americano no final da manhã desta quinta, um dia após o usual devido ao feriado do Memorial Day, na segunda-feira (29).

Às 10h15, o barril de Brent para agosto negociado na International Exchange Futures (ICE), em Londres, tinha queda de 0,14%, a US$ 50,69. Já o barril de WTI para entrega em julho, negociado no New York Mercantile Exchange (Nymex), em Nova York, registrava alta de 0,25%, a US$ 48,44.

Na semana passada, a esperada reunião da Opep concretizou a extensão do acordo firmado pelo cartel e outros países como a Rússia por mais nove meses, até março de 2018. Até agora, o acordo iniciado em janeiro teria tido um impacto modesto, devido a um aumento na produção de países que não participam do pacto como a Líbia, e ao aumento incessante da produção de óleo de xisto nos Estados Unidos. O mercado especula agora sobre a possibilidade do carte intensificar os cortes. 

Como parte do acordo, a Nigéria e a Líbia continuam isentos de realizar cortes, enquanto o Irã teria a possibilidade de aumentar a produção no mesmo nível de referência, em torno de 3,7 milhões de barris por dia, acertados em novembros do ano passado. 

Petróleo fica próximo da estabilidade, na expectativa de declarações de Trump

Con Información de Jornal do Brasil

www.entornointeligente.com

Síguenos en Twitter @entornoi

Entornointeligente.com