BRASIL: Rodrigo Lasmar, médico da seleção, é o escolhido para operar Neymar - EntornoInteligente

OGlobo /

Neymar atua em um dos times mais ricos do mundo, é o jogador mais caro do planeta e joga em um país economicamente desenvolvido. Mesmo assim, ele decidiu, com a anuência do Paris Saint-Germain, ser submetido no Brasil à cirurgia para corrigir a fratura parcial do quinto metatarso do pé direito. O médico escolhido é o da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar.

Conforme anunciado ontem pelo PSG , a cirurgia de Neymar ocorrerá no próximo fim de semana, uma decisão que é fruto da reunião ocorrida ontem em Paris. Em nome do clube, a operação será acompanhada pelo médico Gérard Saillant. O jogador, que torceu o tornozelo no domingo, deve ficar dois meses fora de atividade.

Veja também Lesão de Neymar não é uma tragédia, mas há um prejuízo Neymar será operado no fim de semana, informa PSG Medicina desportiva recomenda cirurgia em casos como o de Neymar Mas Neymar não é o primeiro e provavelmente não será o último a optar passar por cirurgia em solo brasileiro, com um profissional do país. E isso serve como afirmação da boa reputação dos médicos brasileiros no exterior. Há casos de Ronaldo, Kaká, Cafu, entre outros jogadores consagrados da seleção, que, mesmo atuando em grandes centros do futebol, foram operados no Brasil.

Publicidade

— É mérito dos brasileiros na área médica e, automaticamente, na parte fisioterápica. Nossa medicina esportiva é privilegiada, de altíssimo nível, como quase toda a medicina brasileira — analisou José Luiz Runco, médico da seleção por 16 anos.

Na visão de Runco, a escolha de Neymar e PSG pelos serviços de Rodrigo passa por um fator preponderante:

— A confiança.

O ponto de vista sobre o nível dos profissionais brasileiros é compartilhado por Jorge Pagura, presidente da Comissão Nacional de Médicos de Futebol da CBF, que é neurologista.

— A medicina esportiva no Brasil é das mais adiantadas. Temos cirurgiões de nível internacional. Imagino que o Neymar fique mais confortável. O Brasil é muito respeitado na parte médica e cirúrgica, especialmente na questão ortopédica — comentou.

Histórico familiar

Rodrigo Lasmar está mais do que acostumado a lidar com os astros que vestem a camisa amarela, mas recebeu uma missão que o coloca no holofote do futebol mundial. Médico do Atlético-MG, ele conhece a responsabilidade que tem, já que começou a trabalhar na seleção em 2002 e esteve em três Mundiais (2002, 2006 e 2014).

Publicidade

Mas o exemplo para o atual médico da seleção também vem de casa: ele é filho de Neylor Lasmar, que foi médico da equipe brasileira nas Copas do Mundo de 1982 e 1986, sob o comando do técnico Telê Santana.

A lesão de Neymar Jogador sofreu lesão dia 25 de fevereiro e pode ficar dois meses longe dos gramados Metatarsos Tíbia Fíbula Possível operação Incisão de 1 a 2 centímetros para colocação de parafuso de 5 a 6 centímetros ao longo do osso para fixação Tempo de Recuperação: Local da lesão 2 meses Fratura no quinto metatarso do pé direito Fonte: BioDigital e FootHealthFacts A lesão de Neymar Jogador sofreu lesão dia 25 de fevereiro e pode ficar dois meses longe dos gramados Fíbula Tíbia Local da lesão Fratura no quinto metatarso do pé direito Metatarsos Possível operação Incisão de 1 a 2 centímetros para colocação de parafuso de 5 a 6 centímetros ao longo do osso para fixação Tempo de Recuperação: 2 meses Fonte: BioDigital e FootHealthFacts

BRASIL: Rodrigo Lasmar, médico da seleção, é o escolhido para operar Neymar

Con Información de OGlobo

www.entornointeligente.com

Síguenos en Twitter @entornoi

Add comment

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *