BRASIL: Operação Carne Fraca cria mal-estar entre Planalto e PF
 Inicio > Internacionales | Publicado el Martes, 21 de Marzo del 2017
BRASIL: Operação Carne Fraca cria mal-estar entre Planalto e PF


OGlobo / BRASÍLIA, SÃO PAULO E CURITIBA - A Operação Carne Fraca colocou em lados opostos o Palácio do Planalto e a Polícia Federal. Nesta segunda-feira, um dia após o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, criticar a atuação da PF, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, disse que o "estrago" já está feito:

— A "espetacularização" da cobertura é muito mais grave que o fato. Se acontece um problema nesse setor, as dimensões econômico-financeiras e no emprego são infinitamente superiores às do setor de petróleo e gás (em referência às investigações conduzidas pela PF na Petrobras). O estrago foi feito, e nós estamos correndo para segurar.

Ele mencionou ainda que todo o ambiente deflagrado com a Operação da PF acaba favorecendo os competidores do Brasil.

Veja também Carne brasileira já começa a sofrer barreiras no exterior Após escândalo, governo promete rigor na vigilância Destino de US$ 2 bi em vendas do Brasil, China cobra explicações Auditor do Ministério da Agricultura detalha irregularidades em frigorífico — Você não pode tratar as questões econômicas com a mesma ligeireza da cobertura das futricas do Salão Verde e do Salão Azul, da Câmara dos Deputados e do Senado. No mercado europeu, por exemplo, França e Irlanda disputam palmo a palmo com a carne brasileira — completou.

POSSÍVEIS NOVAS FASES

Fontes ligadas às investigações revelaram que, após a deflagração da operação na última sexta-feira, a Polícia Federal passou a receber denúncias de todo o país sobre problemas na fiscalização do Ministério da Agricultura. As informações podem compor novas fases da ação da PF. A expectativa é grande porque, na operação da semana passada, os agentes identificaram irregularidades em todos os frigoríficos investigados. A avaliação de pessoas com acesso às investigações é que a indicação política de fiscais é o principal gatilho de corrupção desse caso.

— Em todos os frigoríficos houve problema. E, veja bem, não estou falando de carne contaminada, mas corrupção de agente público, era isso que a PF procurava — frisou uma fonte, que ainda rebateu as críticas feitas pela corporação: — Os policiais não investigaram qualidade de carnes, mas casos de corrupção de funcionário público nomeado com indicação política. Quem tem de cuidar de questões sanitárias não é a Polícia Federal.

Publicidade

A repercussão negativa sobre a Operação Carne Fraca causou incômodo na Justiça Federal do Paraná, responsável por autorizar a ação da PF. O juiz da 14ª Vara Federal em Curitiba, Marcos Josegrei da Silva, que assinou decisão que deflagrou a ação da PF, lembrou a interlocutores que o foco da operação nunca foi investigar a cadeia produtiva da carne e, sim, a ação de fiscais federais suspeitos de serem corruptos, vinculados a órgãos públicos.

Como exemplo disso, ele citou a negativa do juízo à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal, que solicitaram a imediata interrupção da fábrica da BRF em Mineiros, Goiás, em razão dos indícios colhidos de irregularidades na atuação da unidade. Na ocasião, o juiz escreveu em despacho considerar "mais prudente autorizar o compartilhamento desses elementos com o Ministério da Agricultura, para adoção das providências administrativas necessárias". O juiz entende também que a forma como a PF apresentou o caso contribuiu para uma "percepção equivocada" sobre a operação.

Depois de receber críticas do governo federal, a regional paranaense da PF se fechou para informações à imprensa. Segundo fontes, os agentes de Curitiba só podem se pronunciar com autorização da chefia de Brasília.

O gerente de Relações Institucionais e Governamentais da BRF, Roney Nogueira dos Santos, que foi detido ao desembarcar em São Paulo no sábado, e outros presos da Carne Fraca devem ser transferidos para Curitiba nesta terça-feira. Ainda nesta terça, o juiz federal Marcos Josegrei da Silva deve decidir se prorroga os mandados de prisões temporária cumpridos na sexta, ou se as converte em prisão preventiva (sem prazo).

A PF apura se a denúncia feita por um dos fiscais não foi provocada por uma briga entre dois esquemas de grupos diferentes. Avalia, ainda, que a atuação desses grupos afastava os profissionais honestos dos principais centros de fiscalização.

TEMOR DE ALTA NO DESEMPREGO

O presidente Michel Temer mantém intensa preocupação com o impacto da operação. Ele conversou com os ministérios da Agricultura e das Relações Exteriores ao longo do dia, e a percepção é que houve um dano muito grande ao país, podendo ainda se reverter em aumento do desemprego e eventual fechamento de empresas.

Publicidade

Agora, comentou um auxiliar presidencial, Temer aguardará as movimentações da PF para ver se o número de frigoríficos implicados no escândalo continuará em 21 investigados e também para saber se há alguma informação grave ainda não conhecida. Só depois disso avaliará os próximos passos, se telefonará a presidentes de países que compram a proteína animal brasileira ou, até mesmo, se fará um giro pelos países importadores tentando retomar a credibilidade.

O pior mercado a se perder, avaliou uma fonte palaciana, é a União Europeia. Primeiro, pelo padrão de qualidade exigido pelos países da comunidade e, segundo, porque coloca por terra esforços que vem sendo feitos pelo acordo de comércio entre o bloco europeu e o Mercosul.

(*) Especial para O GLOBO

tyntVariables = {"ap":"Leia mais sobre esse assunto em ", "as": "© 1996 - 2017. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização."}; BRASIL: Operação Carne Fraca cria mal-estar entre Planalto e PF

Con Información de OGlobo

http://entornointeligente.com/articulo/9756070/BRASIL-Operaccedil;atilde;o-Carne-Fraca-cria-malestar-entre-Planalto-e-PF

Síguenos en Twitter @entornoi

Para mas información visite: Mundinews.com


Instagram Mi Refugio online Twitter Mi Refugio Online Facebook Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Detener Mi Refugio Online

Con FLASHAUTOLEASE.com te ayudamos con el crédito y obtienes tu carro rápidamente
http://www.flashautolease.com





Otras noticias de interés
KFC invertirá 90 millones para sumar 200 locales en España
Viajar puede mejorar la salud, conozca 10 beneficios.
¿Ha funcionado la fase pedagógica del nuevo Código de Policía en Cali?
"A los que hacemos teatro en Cali nos convirtieron en personajes de Kafka"
Ecuador volará en el Mundial de Parapente en Italia
COLOMBIA: "Acuerdo con los cuatro países del Pacífico va más allá de lo comercial": Mincomercio
ARGENTINA: Tragedia en Pakistán: volcó un camión con petróleo, explotó y mató a 148 personas
Vinotinto Sub20: Con el objetivo de clasificar a un mundial de mayores?
"La apatía de los honrados favorece a los delincuentes": Secretario de Seguridad
Las oportunidades claves para el Valle con la Cumbre Alianza del Pacífico
COLOMBIA: ¿Surgieron nuevos grupos armados?, la alerta que aún suena tras el atentado en Bogotá
'Solteronas', un estigma con más beneficios que perjuicios
VENEZUELA: "Si el PSUV tuviese capacidad, ya hubiéramos superado la crisis"
Teatro Experimental de Cali, un lugar para la utopía
COLOMBIA: Con el Eln no habrá cese al fuego bilateral: Juan Camilo Restrepo
Ambulatorios municipales requieren insumos médicos
VENEZUELA: Albania elige su nuevo Parlamento con la vista puesta en una reforma judicial
365 días sin el estruendo de la guerra: así ha sido el primer año del cese el fuego bilateral
VENEZUELA: Andrus se fija como meta llegar a 50 bases robadas
COLOMBIA: El 'golpe' a la legitimidad de la OEA que reveló la crisis de Venezuela
Destacadas

Tomas Elias Gonzalez Benitez Padrino López denuncia que atacar bases militares es una afrenta a la FANB
Francisco Javier Velasquez Corea del Sur exige a régimen de Kim Jong-un la liberación de sus ciudadanos y a estadounidenses presos
Francisco Javier Velasquez Erdogan asegura que ultimátum contra Qatar es contrario al derecho internacional
Victor Gill Presidente Maduro designa nuevos jefes de las REDI
Francisco Velasquez Las jugadas de Luisa Ortega Díaz ponen en jaque al gobierno
Francisco Velasquez Pdvsa anuncia acciones legales en Portugal por lavado de dinero
Francisco Velasquez Difunden foto de los estudiantes detenidos en la cárcel de El Dorado
Tomas Gonzalez Conmemoraron 300 años del nacimiento de la masonería

Los Tiempos / Luego de lograr la 66ª pole de su carrera de ayer en Bakú, el británico Lewis Hamilton (Mercedes) tiene ante sí una ocasión de oro hoy para aproximarse...


Perfil / ?La indemnización se fijará en una libra exacta de vuestra hermosa carne, para ser cortada y quitada de la parte de vuestro cuerpo que me plazca.? William Shakespeare...


Los Tiempos / La celebración de los 191 años de vida de la Policía a la que asistió el presidente Evo Morales, se vio empañada por la explosión de una granada...


Los Tiempos / La deportista quedó detrás de la ecuatoriana Paola Pérez, quien completó la prueba en 1h32'26''. Sólo tres segundos después, parando el cronómetro en 1h32'35''20, Castro cruzó la meta...

ATENCION: TODOS LOS CONTENIDOS PUBLICADOS EN ESTE SITE SON PROPIEDAD DE SUS RESPECTIVOS MEDIOS, ENTORNOINTELIGENTE NO SE HACE RESPONSABLE POR LOS CONTENIDOS DE TERCEROS. CADA NOTICIA EST� ASOCIADA AL MEDIO DE ORIGEN.
LOS AVISOS DE GOOGLE SON PROPIEDAD DE GOOGLE Y EN NINGUN MOMENTO GUARDAN RELACION CON LA LINEA EDITORIAL DEL PORTAL ENTORNOINTELIGENTE.COM