PF conduz deputado do Tocantins para depor em nova fase da Operação Acrônimo
 Inicio > Internacionales | Publicado el Miercoles, 30 de Noviembre del 2016
PF conduz deputado do Tocantins para depor em nova fase da Operação Acrônimo

PF conduz deputado do Tocantins para depor em nova fase da Operação Acrônimo

Agencia Brasil / A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (30) a 12ª fase da Operação Acrônimo, iniciada em 2015 para investigar um esquema de lavagem de dinheiro em campanhas eleitorais, envolvendo gráficas e agências de comunicação. Os alvos desta nova etapa são, segundo as autoridades policiais, suspeitos de fraudar licitações do Detran de Tocantins

Mandados de condução coercitiva (quando a pessoa é conduzida para prestar depoimentos e liberada em seguida) e de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Tocantins e Brasília. Uma decisão judicial impede a PF de fornecer mais detalhes sobre a operação.

O deputado estadual Eduardo Siqueira (DEM) é um dos investigados levados para a Superintendência da PF a fim de prestar depoimento. Policiais federais chegaram a ir à Assembleia Legislativa de Tocantins, mas Siqueira foi encontrado em sua casa, no começo da manhã, onde eles apreenderam um computador e documentos. Até perto do meio-dia, o deputado continuava depondo, acompanhado pelo seu advogado. A assessoria do parlamentar informou à Agência Brasil que o mandado judicial não especificava o motivo da condução, nem a que inquérito ele se refere. E acrescentou que o parlamentar está tranquilo e disposto a contribuir com as investigações.

Siqueira foi citado nas primeiras fases da Operação Acrônimo pelo empresário Benedito Oliveira, que fez um acordo de delação premiada com a Justiça e afirmou ter pago propina ao deputado, ainda na época em que o pai dele, José Wilson Siqueira Campos, era governador de Tocantins. Segundo a assessoria de Siqueira, Bené teria citado uma quantia de cerca de R$ 600 mil, divididas entre o deputado e o ex-diretor do Detran, coronel Julio Cesar Mamede, alvo de outro mandado de condução coercitiva cumprido hoje. Na época em que a delação veio a público, Siqueira garantiu que nem ele, nem nenhum assessor recebeu, em seu nome, qualquer vantagem.

Deflagrada em maio de 2015, as investigações que resultaram na Operação Acrônimo começaram com a apreensão de R$ 113 mil em uma aeronave que pousou no Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitscheck.

Edição: Maria Claudia PF conduz deputado do Tocantins para depor em nova fase da Operação Acrônimo

Con Información de Agencia Brasil

http://entornointeligente.com/articulo/9327146/PF-conduz-deputado-do-Tocantins-para-depor-em-nova-fase-da-Operaccedil;atilde;o-Acrocirc;nimo

Síguenos en Twitter @entornoi

Para mas información visite: Mundinews.com


Instagram Mi Refugio online Twitter Mi Refugio Online Facebook Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Detener Mi Refugio Online

Smart Reputation te ayuda a mejorar tu reputación en línea
http://www.smart-reputation.com





Destacadas


Primicia / Una onda tropical sobre el Mar Caribe genera nubosidad en el país. Lluvias de variable intensidad, acompañadas de abundante nubosidad en gran parte del país, es el pronóstico...

Ads by Web24

Smart Reputation te ayuda a mejorar tu reputación en línea
http://www.smart-reputation.com

La Verdad de Maracaibo / La temperatura sube en Maracaibo y ser oriundo de la ciudad no sirve de nada, pues ni los marabinos aguantan el calor que los azota. El...


La Verdad de Maracaibo / El colosal monstruo que surgió en Japón y que en varias oportunidades destruyó al mundo en la ficción del cine y la televisión, tendrá un esperado...


El Observador / Por Germán Pérez En el mes de junio fue enviado al Parlamento el Proyecto de Rendición de Cuentas 2016, que incluye cambios en las distintas franquicias para...

ATENCION: TODOS LOS CONTENIDOS PUBLICADOS EN ESTE SITE SON PROPIEDAD DE SUS RESPECTIVOS MEDIOS, ENTORNOINTELIGENTE NO SE HACE RESPONSABLE POR LOS CONTENIDOS DE TERCEROS. CADA NOTICIA EST� ASOCIADA AL MEDIO DE ORIGEN.
LOS AVISOS DE GOOGLE SON PROPIEDAD DE GOOGLE Y EN NINGUN MOMENTO GUARDAN RELACION CON LA LINEA EDITORIAL DEL PORTAL ENTORNOINTELIGENTE.COM