Na água, a primeira prova de fogo para os Jogos de 2016
 Inicio > Internacionales | Publicado el Sabado, 09 de Noviembre del 2013
Na água, a primeira prova de fogo para os Jogos de 2016
Noticias Relacionadas: Jogos2016FogoProvaPrimeira

Esta noticia ha sido leída 99 veces

OGlobo / RIO - Diretor executivo de Esportes e Integração Paralímpica do Rio-2016, o ex-atleta olímpico Agberto Guimarães revelou que o primeiro dos eventos-teste para os Jogos, uma exigência do Comitê Olímpico Internacional (COI) e das diversas federações internacionais, será em 2014.

— No iatismo, haverá um evento-teste obrigatório em agosto de 2014, para observar 100% da área de competições. O objetivo é saber como está o vento, o desenho da raia. Tem de ser feito na época dos Jogos (haverá outro em agosto de 2015). Será na Baía de Guanabara, e isso vai dar uma ideia se ela está boa para 2016 — afirmou Agberto, acrescentando não estar preocupado. — O que a gente não pode é ter surpresas. Se a Prefeitura assumiu as instalações de Deodoro há dois meses e meio, lá vamos correr contra o tempo. Então, vamos nos planejar para isso.

Entrosado com organização de Londres

Em setembro, no quinto encontro da Comissão de Coordenação do COI para a Rio-2016, o suíço Gilbert Felli, diretor executivo de Jogos Olímpicos do COI, mostrou sua preocupação com a lentidão nas obras e a influência disso nos eventos-teste. Para Agberto, não é necessário que uma arena já esteja pronta para que o evento-teste seja realizado. Observou que em Londres-2012 o Estádio Olímpico foi testado em maio, dois meses e meio antes do megaevento.

— No hipismo, em Deodoro, por exemplo, posso fazer um evento-teste com as arquibancadas que estão lá, tendo à disposição a área de competição, o percurso desenhado, cronometragem, tecnologia. O que tem de ser testado é o essencial. No Engenhão, se a Prefeitura entregar as pistas de competição e de aquecimento, posso testá-lo sem os 15 mil lugares adicionais, utilizando os locais de competição, câmaras, premiação... — disse Agberto.

Segundo o dirigente da Rio-2016, em Londres, também não estava tudo pronto quando da realização dos eventos-teste.

— O essencial é testar áreas de competição, espaço para os atletas, tecnologia, local para torcida, serviços para o público. Não estamos tão mal assim, desde que não haja surpresas.

No entender de Agberto Guimarães, a mil dias do megaevento, não há tensão, mas ansiedade.

— Quero ver as coisas acontecerem e se a tropa não vai tremer na base. Mas não tenho qualquer dúvida de que será um evento muito bacana, com a cara do Brasil. Será organizado, divertido, colorido, tecnicamente correto, e as pessoas viverão uma ótima experiência — previu Agberto, acrescentando que o Rio deu sorte em suceder Londres, cujos Jogos tiveram como líder o ex-atleta Sebastian Coe.

Segundo Agberto, com a organização do evento em Londres, o Rio tem uma parceria e uma oportunidade de aprendizagem fantásticas:

— Não podemos comparar muita coisa com 2012, mas aqui temos uma instalação icônica, a Lagoa, da qual nem o COI nem os atletas abrem mão, porque até onde sei, é a primeira lagoa urbana a ser usada nos Jogos. No vôlei, o Maracanãzinho é a casa daquele esporte. Temos o Maracanã, para a abertura e o encerramento, e o Engenhão, para o atletismo. Assim, as equipes das cerimônias não vão se confundir com as que vão preparar o atletismo. É como se fossem dois estádios olímpicos.

Embora o slogan de 2016 não esteja definido, no segundo semestre de 2014 será lançado o mascote do megaevento.

Para mas información visite: Mundinews.com


Instagram Mi Refugio online Twitter Mi Refugio Online Facebook Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Pagina Web Mi Refugio Online Detener Mi Refugio Online

Regístrate y conviértete en un experto en publicidad
Http:/www.adscoins.com





Destacadas

Gonzalo Morales Antonio Ledezma sobre su fuga: Esto lo consulté únicamente con mi conciencia
Tomas Elias Gonzalez Benitez Almagro: Ledezma está libre para liderar la lucha desde el exilio
Tomas Elias Gonzalez Mitzy de Ledezma sobre su esposo: Va a seguir trabajando en la búsqueda de la libertad
Victor Gill Maduro a España: No nos devuelvan a Ledezma
Victor Gill VENEZUELA: En fotos y videos: As? est?n las afueras de la casa de Ledezma tras su fuga a Colombia
Tomas Gonzalez Maduro sobre Ledezma: Que se quede por Madrid, a tomar vino por all?
Francisco Velasquez Ávila considera que Ledezma puede ser útil para la Unidad fuera del país
Tomas Elias Gonzalez Benitez Andrés Pastrana sobre Ledezma: Te necesitamos libre
Francisco Velasquez VENEZUELA: Maduro pidi? a Espa?a no devolver a Ledezma a Venezuela
Victor Gill Ramirez VENEZUELA: Funcionarios del Sebin se apostaron a las afueras de residencia de Ledezma
Francisco Velasquez Migración Colombia confirma que Ledezma arribó a su territorio
Victor Gill Richard Blanco descarta complicidad entre Ledezma y el gobierno

El Universal / Caracas.-  El presidente de la Federación Farmacéutica Venezolana (Fefarven), Freddy Ceballos, denunció este viernes que en la actualidad hay 100 pacientes renales sin tratamientos de antirechazo y que los...


El Universal / Caracas.-  El cadáver del taxista Ángel José Peralta León de25 años de edad fue localizado este jueves en horas de la noche en la autopista Valle coche, luego...


Londres, noviembre 17 - Científicos registraron este viernes la más poderosa explosión de una estrella en la historia, desde que se hacen observaciones. El impactante evento, que aún no tiene...


MiamiHerald / South Florida job hunters found more options last month as Hurricane Irma became a memory. And that could mean wages will soon increase. Unemployment rates in South Florida...

ATENCION: TODOS LOS CONTENIDOS PUBLICADOS EN ESTE SITE SON PROPIEDAD DE SUS RESPECTIVOS DUENOS, ENTORNOINTELIGENTE NO SE HACE RESPONSABLE POR LOS CONTENIDOS DE TERCEROS. CADA NOTICIA ESTA ASOCIADA AL MEDIO DE ORIGEN.
LOS AVISOS DE GOOGLE SON PROPIEDAD DE GOOGLE Y EN NINGUN MOMENTO GUARDAN RELACION CON LA LINEA EDITORIAL DEL PORTAL ENTORNOINTELIGENTE.COM